segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Estilos de customização - Cafe Racer

   Hoje dou início a uma série de matérias sobre estilos de customização em motocicletas, cafe racers, tracker, brat, bobber, chopper e por aí vai. Hoje iniciamos por um tipo de customização que adoro...

CAFE RACER

   Década de 1960, guerra fria, efervescência do rock, músicas de protesto, guerra do Vietnã, crises políticas por todo o mundo (no Brasil também), a Rússia manda um homem ao espaço e os Estados Unidos mandam um a lua, o primeiro e-mail é enviado entre computadores distantes. Quanta coisa aconteceu nessa década e saibam que falei quase nada sobre os anos 1960, mas sabem o que alguns jovens britânicos queriam fazer, correr com suas motocicletas de pelos cafés que margeavam as recém-construídas autoestradas. Esses jovens eram os "Rockers", apaixonados por rock-n-roll e loucos por motocicletas e velocidade.

Rockers

Rockers

   Nesse contexto do mundo nasciam os Rockers e principalmente as Cafe Racers.
   O estilo cafe racer é baseado em motos de corrida os rockers as utilizavam em pequenos percursos, apostando corridas, geralmente entre os cafés, cafés esse que eram a "casa" dos rockers, onde se reuniam.
   O maior expoente desses cafés ainda é o Ace Cafe (Site do Ace Cafe).

Ace Cafe - Londres

   Esse estilo de customização era bem difundido pela Europa da época, Itália, Alemanha e outros países tinham seus exemplares, mas no Reino Unido é que o estilo Cafe Racer tem a sua casa. O objetivo das corridas era colocar uma música na jukebox e ir a um outro café ou um local e voltar antes que essa música acabasse, acredito que a adrenalina corria solta.
   Os "ton-ups" ou rockers mexiam em suas motocicletas, aliviavam peso, davam um trato na suspensão, deixavam os motores mais potentes, tudo o que fosse possível para ganhar umas milhas a mais e atingir o "Ton", chegar ou ultrapassar a marca de 100 milhas (160 km/h).
   As motocicletas que mais comumente eram modificadas eram as Triumph, Norton e BSA's...


 BSA Gold Star

 Norton Commando 750

Triumph T100

...mas a cereja do bolo eram as "Tritons", um híbrido, uma mistura entre a Triumph e a Norton, as Tritons juntavam os ótimos motores Triumph, montados em quadros Norton, famosos pela sua ótima ciclística.

   Graças ao "revival" sobre o estilo observado nos últimos anos, muitos modelos diferentes de motocicletas se tornaram cafe racers pelas mãos de oficinas especializadas, customizadores e até de entusiastas no melhor estilo "faça você mesmo".

Conheça o projeto "One Hundred": 

...pena que o projeto não foi a frente (explico melhor numa outra postagem).

   O estilo bem característico por remeter a motos de corrida possui detalhes que as diferenciam de outros estilos de customização.

GUIDÃO: geralmente são utilizados os modelos conhecidos como "morcego" ou "morcegão", podendo ser alinhados com a moto ou posicionados para baixo...



Guidão morcego

QUADRO: uma receita simples de quadro para uma cafe racer é imaginar uma seta ou uma flecha na horizontal, entre o assento, o tanque e o guidão (mas claro que não é uma regra)...

que rapagão esguio

ASSENTO: pode ter rabeta ou não, ser reto.

 Um prático porta-luvas




com rabeta

Qual a sua desculpa agora para não fazer o seu banco?

OUTROS DETALHES: retrovisores na ponta do guidão, pequenas lanternas (geralmente redondas no formato "bullet"), sem paralamas ou com pequenos exemplares, as lanternas de freio geralmente são redondas e pequenas...

 Lanterna do Jeep Willis

piscas do tipo bullet

Espelho de ponta de guidão

 Um pequeno esquema para ajudar


   Por ser uma moto inspirada em corridas, são modelos geralmente simples mas com muita beleza devido aos detalhes e pituras especiais...

 BMW




 CB750











 Honda CB125 Flyer



 Suzuki Intruder125



Vamos construir uma Cafe Racer? Em breve traremos mais matérias sobre estilos e tipos de customização.
Espero que tenham gostado desta primeira, compartilhem nas redes sociais, comentem, ajudem nosso blog a crescer mais e mais!

Rabugento Cultura Custom

4 comentários:

Wagner Xavier disse...

Excelente documentário!!!! Ficou ótimo!!!!

igor disse...

Muito bom o texto! Muito esclarecedor!!

Eu, particularmente, virei fã das cafes Racers por tua causa! Kkkkk

História massa, possibilidades demais de customização...

Anderson disse...

Grande Wagax, muito obrigado por suas palavras. É uma honraria tê-lo por aqui.

Anderson disse...

Kkkkkk, valeu grande Igor, que bon que também gostas. E é verdade, possibilidades de customização não faltam, moto na mão, uma ideia na cabeça e sai uma cafe racer.